Arquivo da tag: tocllaraju

Glaciar dos Polacos

Pisar nas encostas daquela montanha novamente me fazia automaticamente lembrar das circunstâncias da primeira experiência há quatro anos. Eu não podia deixar de sempre comparar o que eu estava vivendo agora. No final, cheguei à conclusão de que fora quase outra montanha.

De 2006 pra cá, subi algumas montanhas nevadas. Algumas com companhia. E uma delas foi o Tronador, na Argentina. Tive sorte de encontrar com Arthur Estevez na cidade de Bariloche querendo subir a mesma montanha e sem parceiro. No final conseguimos fazer cume e desde então combinávamos uma próxima escalada.

Recebi alguns convites de amigos para voltar ao Aconcagua, mas já que era pra sofrer aquilo tudo novamente, eu gostaria de fazer algo bem diferente da rota normal, que eu já conhecia. Sentir a ansiedade que antecederia o que seria pra mim um novo desafio. Eu queria tentar o Glaciar dos Polacos, pela rota direta. A face que abriga este glaciar tem um nível de dificuldade intermediário naquela montanha e a rota direta adicionaria mais aventura.

O Glaciar dos Polacos fica na face nordeste da montanha ligeiramente oposta à rota normal. Esta última, na face noroeste, costuma ter bem menos neve pois recebe a maior parte dos ventos que a carregam para ser depositada na face sul e nos glaciares do leste.

Em 2010, quando eu começava a planejar alguma montanha na Bolívia, Arthur me perguntou se eu não queria voltar ao Aconcagua.

– Só se for pela Polacos Direta. Respondi. Continue lendo Glaciar dos Polacos

Relatório de viagem – Peru 2010

Escalar três montanhas no Peru era parte do treinamento que adotamos para a nova empreitada: o Glaciar dos Polacos no Aconcagua, para final de 2010.

Combinamos a viagem com mais três: Adriana, Nuria e o amigo russo Alexei Mailybaev, que idealizou as escaladas das montanhas Pisco 5.752 m, Artesonraju 6.025 m e Huascaran 6.768 m, a mais alta do Peru. A primeira rota é classificada como AD- (algo difícil), mas as outras duas seriam D (difícil)* e, considerando que o Huascaran é somente 200 metros mais baixo que o Aconcagua, o nosso treinamento corria o risco de ser até mais difícil ou arriscado do que o próprio Glaciar dos Polacos. Continue lendo Relatório de viagem – Peru 2010