Fogo destrói cerca de 70 mil hectares no Parque Nacional da Chapada Diamantina

Os focos de incêndio, registrados desde o mês passado na Bahia, tomaram cerca de 70 mil hectares do Parque Nacional da Chapada Diamantina. A área corresponde a metade da área do parque. De acordo com informações da Agência Estado, cerca de 300 pessoas, entre voluntários, brigadistas do Ibama e bombeiros, trabalham para controlar o incêndio.

Representantes do governo da Bahia, da secretaria do Meio Ambiente, da Coordenação Estadual de Defesa Civil, Ibama e bombeiros irão se reunir nesta terça-feira para realizar um balanço e definir novas estratégias para o combate.

De acordo com Célio Pinto, superintendente do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), helicópteros da PM e aviões contratados pelo governo do Estado também auxiliam no combate aos focos.

Além do Parque Nacional, municípios próximos à região também foram atingidos. Os incêndios são comuns na época do ano por conta do calor na Chapada. Celso Pinto afirma que desta vez, a situação é preocupante, pois além das condições climáticas, há investigações sobre incêndios criminosos.

Deixe um comentário